Ações de conscientização e pela valorização da vida encerram o Setembro Amarelo na Unimed Volta Redonda 

Segundos dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o suicídio é a segunda maior causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos, atrás apenas de acidentes de trânsito. São quase 800 mil vítimas todos os anos. Para orientar e sensibilizar sobre esse assunto a Unimed Volta Redonda aderiu ao Setembro Amarelo – campanha nacional de prevenção ao suicídio – e realizou uma série de ações durante toda a semana.

A semana da valorização da vida foi encerrada na manhã da última sexta-feira, 13. Em valorização à vida, colaboradores da Cooperativa soltaram balões amarelos. Dentro deles havia sementes que simbolizam o renascimento.

Ao longo da última semana aconteceu o projeto Sala de Espera no Pronto Atendimento do Hospital Unimed Volta Redonda. Profissionais da saúde explicaram sobre depressão e ansiedade e falaram sobre a importância de ajuda especializada. Roda de conversa e capacitação dos colaboradores com orientações sobre autocuidados emocionais também fizeram parte das ações.

Unidade Litoral

Ações de conscientização sobre o Setembro Amarelo também vão acontecer na Unimed Volta Redonda – Unidade Litoral, em Angra dos Reis. As atividades se encerram na próxima quarta-feira, 18, com a soltura dos balões.