Página Inicial

27 de Março de 2019

Paciente se casa em hospital e morre cinco dias depois de realizar sonho

Jornal O Dia - Online

 Rio - Uma história de amor comoveu parentes e amigos de um homem que estava internado no Hospital da Unimed, em Volta Redonda, no Sul Fluminense. Em fase avançada de câncer, Marcelo Glória Martins da Silva fez um pedido inusitado aos médicos e enfermeiras: queria se casar, “de papel passado”, com a então companheira, Luciana de Almeida Fukamati, com quem mantinha relacionamento há 12 anos.

 
Tocados com o pedido, colaboradores da unidade se mobilizaram e providenciaram, na última quinta-feira, a cerimônia que uniu oficialmente o casal, dentro do próprio hospital, com direito a um representante do cartório local, buquê e convidados.
 
A cerimônia foi realizada no quarto do paciente, que recebeu discreta decoração, em meio a cartazes de felicitações ao casal e filhos. Sob forte emoção, a união estável foi selada durante uma cerimônia improvisada em meio aos aparelhos e cuidados médicos.
 
De acordo com testemunhas, Marcelo não conteve as lágrimas após a famosa frase “pode beijar a noiva”. Em meio à dificuldade para falar, ele agradeceu o carinho dos funcionários. Marcelo morreu na noite desta terça-feira, após realizar seu sonho. "Estamos confortadas. Pelo menos sabemos que ele conseguiu realizar o sonho", resumiu uma enfermeira.
 
Em nota, a direção do Hospital Unimed Volta Redonda elogiou a atitude dos colaboradores, afirmando que a disposição de “viabilizar momentos emocionantes”, proporciona melhor experiência no que diz respeito ao tratamento do paciente, recomendado no projeto Jeito Unimed de Cuidar (JUC). “O JUC tem como base os pilares Gentileza, Respeito e Competência”, ressalta a nota.
 
https://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2019/03/5629917-paciente-se-casa-em-hospital-e-morre--de-cancer--cinco-dias-depois-de-realizar-sonho.html

Escrever comentário
Nome*
E-mail*
Comentário*
 

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Unimed Volta Redonda. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. A Unimed Volta Redonda poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.